Luiz Carlos Trabuco Cappi é homenageado como Personalidade do Ano -setor financeiro- durante o Prêmio Learning & Performance Brasil 2018

São 75 anos de contribuições do Bradesco para o desenvolvimento do setor Financeiro no Brasil

Na segunda-feira, 27/08, o Presidente do Conselho de Administração do Bradesco, Luiz Carlos Trabuco Cappi, foi homenageado como Personalidade do Ano no setor financeiro pelos 75 anos de contribuições do Bradesco para o desenvolvimento do segmento no Brasil, na 17ª edição do Prêmio Learning & Performance Brasil, promovido pela MicroPower e pelo Institute for Learning & Performance. Desses, o executivo, aos 67 anos, dedicou 50 anos ao banco.

Trabuco subiu ao palco e recebeu uma placa, como símbolo da homenagem, das mãos de Chieko Aoki e do Brigadeiro Paulo João Cury e compartilhou com os convidados do Prêmio Learning & Performance Brasil, a trajetória do Banco Bradesco e a evolução do Internet Banking para pessoas com deficiência visual. 


“Eu gostaria de agradecer ao Francisco e a Milka por essa gentileza, esse reconhecimento à Organização Bradesco. Nós estamos fazendo 75 anos de história, um banco pequeno, que surgiu na longínqua cidade de Marilia, em 1943, com seis agências e foi capaz, com trabalho, realizar uma organização que nos faz estar presente em todo território nacional. 

Eu quero agradecer aos meus colegas administradores, funcionários, meus colegas bancários como eu, e que fizeram uma carreira. Eu que tenho 50 anos de organização, sei que aquela é uma organização que foi forjada com trabalho. Pois só o trabalho pode produzir riqueza para as pessoas, para as empresas e, principalmente, para o País. 

Francisco e Milka, o que vocês fazem para consolidar um processo de inovação, através da educação, apoiando a inclusão e a diversidade, é formidável. Eu diria que eu vejo em você, Francisco, aquilo que eu gostaria de ver nas pessoas que vão liderar esse País. Lideranças que tem de ter um olhar que você tem. Um olhar reformista, um olhar agregador e alguém que seja capaz de nos inspirar.

Eu gostaria também de dizer, e de cometer uma inconfidência e talvez até me alongar, em 1998, o Francisco, eu, um grupo e o Odecio, estivemos em Washington, foi um momento em que o Smithsonian Institution reconheceu o nosso projeto, o projeto que você desenvolveu, como o primeiro Internet Banking do Mundo. Aquilo foi gratificante, porque a tecnologia americana reconhecia essa primeira iniciativa de apoio, por fazer um banco por internet para pessoas deficientes visuais.

Ficou marcante na nossa história, e nós queremos agradecer a você, que nos deu essa oportunidade, para que a Organização pudesse ter no deficiente visual, mais do que um público, mas uma consideração. Muito obrigado”, concluiu Trabuco.
Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Twitter
Os comentários estão fechados