HomeNotíciasNotícia selecionada
 NOTÍCIAS
São Caetano volta a oferecer curso de Informática para deficientes visuais

A Prefeitura de São Caetano do Sul voltou a oferecer curso gratuito de informática para deficientes visuais, após quatro anos sem o serviço. Na tarde desta terça-feira (26/02), a nova turma iniciou as aulas na Escola Municipal de Informática Professora Neusa Maria Nunes Branco, localizada na Avenida Goiás, 954, Bairro Santa Paula – os 11 estudantes vão, nos próximos quatro meses, utilizar o programa Virtual Vision para se habituar ao funcionamento do computador e da internet, com o objetivo de dominar o equipamento sem auxílio de outras pessoas.

O secretário municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência ou Mobilidade Reduzida (Sedef), Thiago Tortorello, conversou com os alunos antes do início das aulas. “É uma honra, em menos de 60 dias, conseguirmos reabrir este curso através da parceria com a Secretaria da Educação, Escola de Informática, Grupo Ação e Inclusão e MicroPower. O grande paradigma da inclusão é conseguirmos a inserção das pessoas no mercado de trabalho, e o domínio do uso do computador é um grande passo para isso.”

Para o diretor da Escola de Informática, Marco Antonio Felix, a questão do aprimoramento profissional é fundamental no curso para os deficientes visuais. “Este curso não garante apenas aprendizado de informática e diversão”, ressaltou. “Estamos muito alegres em recebê-los aqui”. A presidente e fundadora do Grupo Ação e Inclusão, Juliana Teixeira Martins, elogiou a ação da Prefeitura. “Esse curso estava paralisado desde 2008. Com vocês, mostramos que a demanda por ações em defesa dos deficientes visuais existe e os serviços também têm de existir”, comemorou.

Programa – O curso de informática para deficientes visuais tem como base o software Virtual Vision, cedido gratuitamente para a Escola de Informática pela empresa sancaetanense MicroPower. Com ele, os cegos ou pessoas com baixa visão podem utilizar todos os recursos do computador sem a necessidade de auxílio – aumentando muito sua autonomia. “A primeira conquista de vocês é estar aqui. Espero que todos se dediquem ao curso e aprendam muito, para crescerem profissionalmente e também para o próprio lazer de vocês. Esse é o primeiro passo para uma qualidade de vida melhor”, avaliou Luiz Eduardo M. de Oliveira, que é deficiente visual e foi instrutor da professora Débora Martini, que ministrará o curso.

“Eu espero que nossos novos alunos permaneçam no curso até o fim, para que consigam mexer sozinhos no computador e navegar na internet. Só o que é preciso para conseguir isso é uma boa audição e muita força de vontade”, destacou Débora Martini.

Matrículas abertas – Segundo Thiago Tortorello, o curso de informática para deficientes visuais também será oferecido, gratuitamente, no Atende Fácil, a partir de 11 de março, das 19 às 21 horas. Ainda há vagas e as inscrições podem ser feitas diretamente na Rua Major Carlo Del Prete, 651, Centro. “Além da inclusão digital, esse projeto permite ao deficiente a melhora na qualificação profissional e, consequentemente, a independência financeira”, explicou o secretário. “Em breve, promoveremos outras ações para a capacitação dos funcionários da Prefeitura, a fim de que haja uma aproximação e melhora no atendimento aos munícipes com necessidades especiais”, finalizou.



Para enviar esta notícia para um(a) amigo(a):
Clique aqui

Fonte: Prefeitura de São Caetano do Sul
 Data: 28/02/2013

 

 


Voltar

 
Para membros da Comunidade
Learning & Performance Brasil
> Efetuar Login
> Cadastre-se
> Saiba mais
Curta a nossa página no facebook
Siga-nos no twitter

Organização
MicroPower

Promoção
Escola Virtual

e-learning for kids

ABES

ABRH - NACIONAL

ABRH - SP

ADVB

América Economia

bilheteria.com

FNQ - Fundação Nacional da Qualidade

GCSM - Global Council of Sales Marketing

The Winners - Prime Leaders Magazine

Copyright © 2016 - MicroPower®