HomeArtigosEm crise, corte o treinamento e faça uma boa viagem
 ARTIGOS
Em crise, corte o treinamento e faça uma boa viagem




Por Felipe Westin

É muito comum nos tempos de crise as empresas cortarem os seus investimentos em treinamento. Eu só espero que as Companhias Aéreas não pensem deste jeito em relação aos seus pilotos, e nem os Hospitais em relação aos seu Médicos e corpo de Enfermagem.

Um amigo meu dizia que nos tempos de vacas magras as empresas cortam as pernas para economizarem sapato e depois descobrem que não podem andar. Uma coisa é cortar despesas, outra coisa é cortar investimentos que possam comprometer o desempenho das pessoas e dos negócios no futuro. Muitas empresas ainda consideram os gastos com treinamento, desenvolvimento, coaching, etc. como despesa e não como investimento no seu capital humano.

As grandes organizações internacionais têm sucesso nos seus negócios pois pensam exatamente o oposto. Em tempos de crise é a hora de fazer os investimentos sejam de capital financeiro ou humano. Nestes momentos é comum que os valores dos ativos estejam mais depreciados, portanto para quem se preparou, é um bom momento para sair à caça de bons negócios. A lógica é simples: investem nestes momentos pois o valor é mais atrativo e se preparam para ganhar dinheiro na hora que o mercado voltar a crescer. Todo empreendedor assim como os economistas sabem que o mercado pode estar em baixa num determinado momento, mas com certeza voltará a crescer no momento seguinte.

Do ponto de vista do capital humano deveríamos seguir o mesmo princípio. No momento que as atividades estão mais fracas, é o melhor momento para disponibilizar das pessoas para treina-las, desenvolve-las e prepara-las para utiliza-las com todo o seu potencial quando o mercado retomar. Não consigo imaginar uma organização com resultados sustentáveis e socialmente responsáveis com outra mentalidade que não seja essa. O capital humano talentoso e experiente está cada vez mais escasso, portanto não dá para desperdiçar e nem tão pouco desprezar.

Se os recursos estão mais escassos é perfeitamente entendível que a empresa planeje adequadamente para utilizar da forma mais eficientes estes recursos. Deve selecionar quais os investimentos em treinamento e desenvolvimento que são prioritários para aumentar a produtividade e os resultados no futuro. Fazer este tipo de planejamento é fazer uma gestão estratégica do capital humano. Muitos executivos falam tanto de gestão estratégica de pessoas, mas na prática não sabem como fazê-lo. Este é um bom momento para colocar em ação o que tanto pedem para RH fazer, que é cuidar estrategicamente do capital humano.

Temos que mudar a mentalidade de fazer treinamento e desenvolvimento de pessoas de forma oportunista. Precisamos pensar nisso como pensamos nos negócios e de forma sustentável. Não é possível, por falta de um planejamento adequado, recorrer a toda hora ao mercado em busca dos talentos que nos fazem falta. Este mercado de mão de obra está ficando cada vez mais escasso. As empresas não concorrem mais para mão de obra entre si. Existem muitas outras formas de trabalho que estão absorvendo as pessoas mais talentosas no mercado, como a internet. Ela criou milhões de oportunidade de trabalho com investimento baixo de capital. Aliá, os jovens de hoje se sentem muito motivados a terem os seus próprios negócios, e isso certamente faz com a quantidade de talentos fique ainda mais reduzida.

Investir em treinamento e desenvolvimento fortalece o engajamento das pessoas e a retenção dos talentos. É nos momentos difíceis que as pessoas conhecem efetivamente a organização que estão trabalhando, assim como os seus líderes.

Bom, acho que agora eu vou me sentir mais tranquilo para embarcar na próxima viagem de avião. Desejo boa viagem a todos!!

Para enviar este artigo para um(a) amigo(a):
Clique aqui

Fonte: Felipe Westin
Autor: 
 Data: 29/06/2015

 

 


Voltar

 
Para membros da Comunidade
Learning & Performance Brasil
> Efetuar Login
> Cadastre-se
> Saiba mais
Curta a nossa página no facebook
Siga-nos no twitter

Organização
MicroPower

Promoção
Escola Virtual

e-learning for kids

ABES

ABRH - NACIONAL

ABRH - SP

ADVB

América Economia

bilheteria.com

FNQ - Fundação Nacional da Qualidade

GCSM - Global Council of Sales Marketing

The Winners - Prime Leaders Magazine

Copyright © 2016 - MicroPower®